Darf ações: saiba como gerar o documento para pagamento do Imposto de Renda

darf ações; gráfico mostra a variação dos números

A emissão do Darf (Documento de Arrecadação de Receitas Federais) sobre ações é o procedimento para recolher o Imposto de Renda dos investidores que obtêm lucro em suas operações na Bolsa de Valores.

O Darf ações é um procedimento obrigatório para lucros obtidos nas operações de day trade (investimento e venda no mesmo dia) e com outros ativos de renda variável (mercado futuro, opções e fundos imobiliários).

Sempre houver lucros nas operações, o Darf deve ser emitido e pago mensalmente.

Deixar de fazer esse recolhimento do Darf ações acarreta problemas com a Receita Federal.

Portanto, faça o pagamento do Darf ações até o último dia útil do mês.

Para quem não sabe, o pagamento do tributo através do Darf ações pode ser realizado até o fim do mês seguinte às vendas que geraram o lucro.

Depois, na Declaração de Ajuste Anual do Imposto de Renda, todos os pagamentos devem ser compiladas para que você não sofra a bitributação, que é efetuar o pagamento do mesmo imposto duas vezes.

Como ponto de atenção, guarde os comprovantes dos pagamentos dos Darfs das ações vendidas em local seguro para facilitar no período de declaração anual.

Para saber mais como fazer o Darf ações consulte o Velotax.

Parece um processo complicado, mas não é bem assim.

Você pode ficar bem tranquilo porque o Velotax vai explicar como funciona o recolhimento dos tributos Darf ações e como fazer a declaração do Imposto de Renda.

Mais do que isso, vamos apresentar a plataforma do Velotax, que simplifica e te ensina de um jeito fácil e descomplicado sobre como declarar o seu Imposto de Renda.

Clique aqui e conheça nossa plataforma.

Aproveite e veja muitas outras dicas sobre o Imposto de Renda no nosso blog.

Veja como emitir Darf ações

Como gerar Darf para pagamento de ações?

O pagamento deve ser feito por meio de um Darf ações.

Para emiti-lo, o contribuinte pode usar o programa chamado Sicalc, disponível no site da Receita Federal.

O código para ganhos líquidos com operações em Bolsa de Valores é o 6015.

Atente-se que eventuais prejuízos podem ser compensados na hora de apurar os valores devidos do Imposto de Renda. 

Na prática isso significa que, se há um ganho tributado com ações em um mês, mas já houver prejuízos a compensar, basta subtrair o prejuízo do ganho na hora de apurar o imposto, para não pagar imposto a maior.

Caso a pessoa perca o prazo de recolhimento do imposto, é possível emitir um Darf no próprio Sicalc, já com a multa e os juros de mora referentes ao atraso.

A multa é de 0,33% ao dia de atraso, limitada a 20% do valor do imposto devido.

Por outro lado, os juros de mora correspondem à Selic do período que vai do mês seguinte ao do vencimento do tributo até o mês anterior ao mês de pagamento, mais 1% referente ao mês do pagamento. Os percentuais incidem sobre o imposto devido.

Ao preencher o Darf ações, o investidor também deve descontar o Imposto de Renda retido na fonte, que é recolhido pela Receita Federal sempre que se faz uma operação de renda variável sujeita à tributação.

A alíquota desse adiantamento de imposto de renda é de 0,005% para operações comuns e 1% para day trade.

Compensação de prejuízos e Imposto de Renda retido na fonte

No caso de acontecer prejuízos com a venda de ações, os mesmos podem ser abatidos com ganhos futuros para o investidor reduzir seu imposto de renda a pagar.

Isso acontece até com as perdas com vendas inferiores a R$20.000,00 por mês, que podem ser compensadas.

Mas para poder aproveitá-los no futuro é preciso informá-los na declaração.

Declare os prejuízos na aba “Renda Variável”, nos mesmos campos utilizados para informar os ganhos, porém com sinal negativo.

Os prejuízos em um mercado podem ser compensados em outro – por exemplo, uma perda no mercado a termo pode compensar um ganho no mercado à vista e vice-versa.

Contudo, é importante ressaltar que as perdas com operações de swing trade só podem abater ganhos com operações de swing trade, e as perdas com day trade só podem abater ganhos com day trade.

Quem tiver prejuízos não compensados do ano de 2022 deve informá-los no mês de janeiro no programa do imposto de renda 2023, no campo “Resultado negativo até o mês anterior”.

Éimportante lembrar que não é na hora de preencher a declaração que se compensam os prejuízos, mas sim na apuração do Imposto de Renda sobre os ganhos tributados, mês a mês.

O abatimento do Imposto de Renda retido na fonte, por sua vez, não pode ser levado para os anos seguintes.

Entretanto, pode ser que o contribuinte não consiga compensar todos os valores em um mesmo ano por conta de prejuízos.

Nesse caso, a pessoa pode informar o valor do imposto retido e não compensado na ficha “Imposto Pago/Retido, linha 03”, “Imposto sobre a Renda na fonte”, para reduzir seu imposto devido total no ajuste anual.

Isso pode resultar em um valor menor a pagar ou em uma maior restituição.

Organização facilita o trabalho para o pagamento de Darf ações e na declaração do Imposto de Renda

Uma das formas de ter controle de tudo o que acontece com o Darf ações e fazer a declaração desse investimento no Imposto de Renda é fazer o preenchimento através de uma planilha.

A montagem de uma planilha com as Darf ações dos pagamentos dos tributos dos investimentos é uma ferramenta muito útil para quem investe na Bolsa.

A planilha serve para controlar todas as operações de compra e venda feitas e descobrir se os negócios deram lucro ou prejuízo.

Com a planilha fica facilitado o preenchimento da declaração de ações no Imposto de Renda ao fazer o dever anual exigido pela Receita Federal. 

Nela estão registrados todos os resultados mensais, os impostos pagos e os ativos que o contribuinte tinha ao final do ano-base para incluir na declaração de bens do Imposto de Renda.

O contribuinte pode conseguir os relatórios de outras formas, mas sem a planilha, ele terá que consultar todas as notas de corretagem das operações feitas ao longo do ano.

O que deve demandar muito mais tempo e paciência para organizar as informações na hora de fazer a declaração anual de Imposto de Renda.

Parece complicado? Não precisa ser.

Ao utilizar a plataforma gratuita do Velotax você paga seus impostos com segurança e em poucos cliques.

Depois, com total segurança, você pode fazer a declaração de ações no Imposto de Renda.

Imagem do painel com os valores de ações na Bolsa de Valores. Darf ações deve ser emitido para pagamento de lucros com a vendas de ações
Darf ações deve ser emitido para pagamento de IR com a vendas de ações

Conheça a plataforma Velotax e fique em dia com Darf ações

Emitir um Darf ações é uma tarefa muito simples.

E ainda mais fácil com as ferramentas do Velotax para pagar o Darf ações.

Com as nossas ferramentas, você calcula gratuitamente o valor do imposto e emite a guia do Darf ações automaticamente para o pagamento.

Facilidade para você estar em dia com a Receita Federal, pagar o Darf ações e ficar atento ao que realmente importa: encontrar as melhores oportunidades na Bolsa de Valores.

O primeiro passo é se cadastrar no site do Velotax.

A plataforma é 100% segura e pede apenas dados necessários para que o documento seja gerado.

É importante que os dados estejam corretos para evitar discrepâncias entre as informações cadastradas e as que estão na base da Receita Federal.

A plataforma solicita o nome completo, CPF e data de nascimento para que o documento emitido tenha os mesmos dados que a Receita dispõe.

A segunda etapa envolve o cálculo do imposto devido por meio das operações na Bolsa.

Nessa fase, você precisará se registrar no CEI (Canal Eletrônico do Investidor).

Caso você ainda não tenha uma conta no CEI, faça o seu registro clicando aqui – recentemente a B3, a Bolsa de Valores de São Paulo, modificou seu sistema, mas o registro é simplificado.

Há uma sincronia dos sistemas para que o Velotax possa mapear automaticamente os investimentos e consiga calcular os tributos devidos.

A terceira fase é a de emissão do Darf.

Após o Velotax identificar as operações no sistema da Bolsa, apresentará a cartela de ações que você tem, seus rendimentos e já calcula o imposto sobre todas elas.

Inclusive, o sistema do Velotax faz cálculos retroativos e sem custo – e já há cálculo de juros e multas.

Ou seja: simples, descomplicado que deixa você despreocupado com Darf em atraso.

Antes de emitir o Darf ações,  você deve checar com calma se todos os dados apresentados correspondem com sua carteira de ações e se os números são os apurados naquele mês.

Se você aposta em commodities, ouro, mini-contratos como mini-índices ou mini-dólar, precisará recorrer à sua corretora, pois o próprio sistema da B3 é restrito com relação a essas modalidades – outra funcionalidade também inclusa na plataforma Velotax, já que há a integração com o Novo Portal da B3.

Depois de conferir todos os dados, clique no botão ‘Salvar e Emitir Darf’.

A guia do Darf ações estará à disposição para o pagamento imediatamente.

E você pode quitá-la mesmo sem a necessidade do código de barras, já que diversos bancos contam com a facilidade para pagar o Darf.

Geralmente no próprio internet banking da sua instituição há caminhos para quitar a guia de forma simples.

Esclarecemos todas as suas dúvidas sobre a tributação e não deixar o Darf ações? 

Agora você pode ir para a prática e preparar a sua declaração do IR de uma maneira rápida e tranquila.

Confira as nossas soluções.

Um serviço 5 estrelas para você ficar tranquilo, sem se preocupar com Darf em atraso e cumprir todas as obrigações com a Receita Federal.

São mais de 100.000 usuários satisfeitos.

Clique aqui e conheça agora também o canal Velotax no YouTube.